Acupuntura ajuda a encurtar o tempo de trabalho de parto

Os usos da acupuntura na gravidez servem propósitos variados e, entre estes, encontra-se o alívio das dores do trabalho de parto e o encurtar do tempo do parto. Venha saber mais sobre esta questão com o Bebé a Bordo.

Privadas de muitos dos medicamentos que tomariam noutras fases da sua vida, as mulheres grávidas têm tendência a procurar alternativas terapêuticas nesta fase das suas vidas.

Algumas formas de terapia, como o shiatsu na gravidez são bastante populares, ainda que exijam cuidados específicos para garantir a completa segurança da gestante e do feto.

A acupuntura é outra das práticas que parece atrair a gestante já que, quando realizada por um profissional especializado e que conheça as necessidades especiais da mulher grávida, a prática conta com benefícios incríveis, incluindo o alívio dos enjoos na gravidez e a redução do tempo e das dores do parto, quando chega a hora H.

Muitos estudos têm sido feitos para compreender como a acupuntura pode, efetivamente, ajudar no processo e melhorar a experiência da gestante durante o parto.

Venha saber mais sobre como a acupuntura alivia as dores e ajuda a encurtar o tempo do trabalho de parto.

Acupuntura ajuda a encurtar o tempo de trabalho de parto

O fim da gravidez e a acupuntura

terceiro trimestre de gestação é acompanhado de muito nervosismo e expectativa pela hora do parto e, muitas vezes, esta é a fase na qual se inicia a procura por alternativas terapêuticas que possam ajudar quando chegar a hora H.

No final da gestação e tendo em consideração o parto, a acupuntura pode servir diversos propósitos, entre os quais a indução do parto, a redução das dores da parturiente e o encurtamento do tempo do trabalho de parto.

Quando a acupuntura é usada para induzir o trabalho de parto, a técnica faz com que todo o processo seja facilitado, mediante o recurso a técnicas naturais.

Em muitos casos, o recurso a este método pode mesmo reduzir a necessidade do uso de anestésicos farmacológicos. (1)

O que dizem os estudos?

Segundo os estudos realizados, as gestantes que utilizam esta técnica efetivamente apresentam partos mais céleres e um maior controlo da dor do que os grupos de controlo. (2)

Além disso, quando questionadas, 70% das gestantes estaria disposta a experimentar esta técnica como forma de anestesia, havendo ainda uma perceção maioritariamente positiva por parte de parturientes que a utilizaram. (3)

Segundo os especialistas o ideal é que a preparação para o parto com a acupuntura comece a ser realizado na 36ª semana de gestação, para que se comece a preparar o organismo da gestante e o bebé para o momento do parto.

Sabia que a acupuntura podia ajudar a melhorar as dores na hora H e a encurtar o tempo do trabalho de parto? Qual é a sua opinião? Partilhe-a com as restantes leitoras do Bebé a Bordo.

ARTIGOS REMOMENDADOS

Comente este artigo