7 Frutas a evitar na gravidez

Saber quais as frutas a evitar na gravidez poderá ser muito importante para garantir a segurança da mulher grávida e do seu bebé. Venha com o Bebé a Bordo conhecer as 7 frutas a evitar na gravidez.

A gestante deve ter uma preocupação extra com a sua alimentação, para garantir que não ingere nenhum alimento que possa ser nocivo para si ou para o normal decurso da gravidez.

Usualmente, os produtos alimentares mais regulares, como peixes ou frutas fazem parte do questionamento da gestante, tal como acontece com bebidas como os chás ou a cerveja sem álcool.

No que diz respeito aos frutos, uma das primeiras preocupações relacionadas com a segurança é garantir que estes são bem lavados. (1)

Além disto, no entanto, existem alguns frutos que, preferencialmente devem ser evitados. Hoje, apresentamos 7 frutas a evitar na gravidez

Frutas a evitar na gravidez

1. Frutas a evitar na gravidez: Ananás

O consumo de ananás deve, segundo alguns especialistas, ser evitado no primeiro trimestre da gestação. (2)

As principais razões para evitar o fruto nos primeiros três meses prende-se com o facto de este alimento poder provocar contrações uterinas ou amolecer o colo do útero, devido à presença de bromelaína na sua composição.

2. Papaia

A papaia é rica em macronutrientes e é, também, termogénica. Além de poder provocar o aumento da pressão arterial, existem casos nos quais o fruto foi também responsável por hemorragias e por contrações uterinas.

3. Melancia

A melancia tem aspetos positivos para a mulher grávida mas é justamente num dos seus benefícios que surge o principal risco. Por ser desintoxicante, o fruto poderá fazer com que o feto fique mais exposto às toxinas libertadas pelo corpo no decurso do seu consumo. Da mesma forma, as propriedades diuréticas do fruto podem destabilizar a correta absorção dos nutrientes pelo corpo, prejudicando a gravidez.

Trata-se de um fruto que a gestante pode comer mas que deve comer com muita moderação.

4. Frutas a evitar na gravidez: Uvas

Pode não ser (e não é!) consensual entre os especialistas. Ainda assim, alguns estudos indicam que um dos elementos presentes nas uvas, o resveratrol, pode ser tóxico para as gestantes. (3)

Além disto, como é um alimento bastante ácido, este pode aumentar a sensação de azia ou os enjoos matinais.

5. Frutos vermelhos congelados

Os frutos vermelhos, por serem sazonais, consomem-se muitas vezes congelados. As gestantes deverão sempre evitar qualquer tipo de produto que tenha ficado refrigerado ou congelado por um longo período temporal.

Além de se perderem propriedades dos frutos no congelamento prolongado, estes poderão, ainda aumentar a sua toxicidade.

6. Fruta em calda

A fruta em calda pode ser deliciosa mas a calda em que se encontra tem um teor de açúcar elevadíssimo e inúmeros conservantes. Assim, por uma questão de segurança, a gestante deve evitá-la.

7. Frutas a evitar na gravidez: Tomate enlatado

Tal como nas frutas em calda, o tomate em lata perde qualidades e tem grandes quantidades de produtos de conserva, que podem ser tóxicos para a gestante e prejudicar a gravidez.

Consumiu alguma destas frutas na sua gravidez? Quais eram as suas frutas favoritas quando estava grávida? Conte às restantes leitoras do Bebé a Bordo.

ARTIGOS REMOMENDADOS

Comente este artigo