Anona na gravidez: quais os benefícios deste fruto para a gestação?

Comer anona na gravidez pode ter vários benefícios para a gestante. Doce e agradável, este fruto conta com propriedades que favorecem a mamã e o feto. Sabe por que razão deve comer anona na gravidez?

Venha descobrir com o Bebé a Bordo.

O equilíbrio alimentar na gestação significa, também, que deve existir uma alimentação diversificada.

Colorir os pratos das gestantes com fruta poderá ser uma boa forma de garantir que esta tem o aporte energético e nutricional de que necessita.

Por esta razão, não é incomum que a gestante se questione quanto às melhores frutas na gestação, quais as frutas que a grávida deve comer no Verão ou quais as frutas africanas mais ricas em nutrientes.

De facto, conseguir variar a dieta, incluindo os melhores frutos, pode ser uma mais-valia para a gestante e para o próprio desenvolvimento do bebé.

Assim, hoje, considerando os benefícios da anona, debruçamo-nos sobre este fruto para descobrirmos se ele é seguro na gestação e quais as vantagens de consumir anona na gravidez.

Se também quer conhecer as principais razões pelas quais deve comer anona na gravidez, encontrou o artigo ideal para si.

1. O que é a anona?

A anona é um fruto verde, com uma casca aparentemente escamada e de polpa banca e suave. Este fruto teve origem na América do Sul mas é, de momento, produzido em vários países do mundo, tendo uma forte expressão nas ilhas portuguesas e, particularmente, na Madeira.

É um furto tropical, doce e suculento, com uma textura cremosa e um nível subtil de acidez. Apesar de ter um sabor único e caraterístico, este é comparado a frutos como o ananás ou o morango.

Como é a tabela nutricional da anona?

Maioritariamente formada por água, sendo esta 78% da sua composição, a anona é um fruto nutricionalmente muito rico.

Este produto alimentar contém 68 kcal por cada 100 gramas, sendo algo calórico. Ainda assim, na sua composição, encontram-se vários nutrientes essenciais para o funcionamento do organismo, incluindo vitaminas e minerais.

Entre os principais minerais que integram a anona, encontramos o magnésio, o potássio, o fósforo e o cobre.

Além disso, vitaminas como a vitamina C e vitaminas do complexo B (incluindo a vitamina B6 e B9) fazem também parte da sua composição.

Este fruto é ainda rico e fibras (3,2 gramas), hidratos de carbono (17,1 gramas) e proteínas (1,5 gramas). (1)

2. A mulher grávida pode comer anona?

Sim. A grávida pode comer anona. Muito nutritivo e saudável, este fruto é indicado durante a gestação, embora seja recomendado, pelo seu índice calórico, que seja um consumo feito com moderação. A moderação será essencial para evitar que exista um excessivo ganho de peso na gestação.

Para aproveitar os melhores benefícios da anona, a gestante deverá comer o fruto ao natural, lavando-o bem e descartando a casca do mesmo e as suas sementes.

No momento de escolher a anona, a gestante deverá garantir que esta está madura, para evitar complicações estomacais e o aumento de problemas como a azia na gestação.

Além disso, como é um fruto rico em açúcares, este poderá não ser a melhor opção para mulheres que sofram de diabetes gestacional. (2)

Em caso de dúvidas sobre se a anona é um fruto indicado para o seu caso particular, o melhor será que coloque esta questão ao seu médico.

3. Quais os benefícios da anona na gravidez?

Existem vários benefícios associados ao consumo de anona na gravidez. Ainda assim, as principais vantagens da integração deste fruto na sua alimentação durante o período gestacional são:

– Presença de ácido fólico na composição do fruto: O ácido fólico presente na anona irá ajudar a dar o necessário aporte desta vitamina à gestante. Desta forma, contribuirá para o desenvolvimento do tubo neural do bebé, evitando problemas congénitos como a espinha bífida; (3)

– Combate e previne a obstipação: Rico em fibras, este fruto é ideal para ajudar a regular os intestinos da gestante, evitando situações comuns como a prisão de ventre e as hemorróidas que desta derivam;

– Promove a hidratação da gestante: É muito importante que a gestante se mantenha hidratada e, pela sua composição, onde a água predomina, este é um excelente fruto para garantir a hidratação.

– Ajuda a reduzir a ansiedade: Este fruto pode ajudar a reduzir o stress e a ansiedade da gestante. Está ainda associado a um parto mais fácil e menos doloroso para a gestante. Este ajuda ainda a melhorar as mudanças de humor derivadas das alterações hormonais da gestação, criando uma sensação de bem-estar; (4)

– Melhora a tensão arterial: Além das propriedades calmantes, este fruto é rico em niacina, reduzindo o mau colesterol (LDL), promovendo uma melhor circulação sanguínea e reduzindo a tensão arterial. Ajuda a prevenir a hipertensão gestacional;

– Reduz a retenção de líquidos: Por ser rico em água e potássio, este fruto ajudará a combater a retenção de líquidos, tão comum na gestação.

Já conhecia os benefícios da anona na gravidez? Este é um fruto que costuma incluir na sua dieta gestacional? Conte a sua maneira favorita de comer anona às restantes mamãs do Bebé a Bordo.

Poderá ter interesse também em:

Maçã na gravidez será um alimento seguro?

Comente este artigo