in

A partir de que idade levar o bebé ao dentista?

Em que idade deva levar o bebé ao dentista

A partir de que idade levar o bebé ao dentista? Tudo o que precisa de saber sobre os cuidados de odontopediatria

No que diz respeito aos cuidados de odontopediatria, é natural que as recém mamãs e papás tenham algumas dúvidas.

Para algumas pessoas, poderá parecer algo descabido um principiar tão precoce das consultas no dentista mas, na verdade, esta atenção poderá ser valiosa para garantir a saúde dentária do seu filho e evitar problemas futuros.

Os cuidados dentários infantis irão ajudar a garantir, entre outras coisas, o correto crescimento da dentição da criança e fomentar o acompanhamento e desenvolvimento da mesma, sendo que aprenderá, nestas, mais sobre as necessidades diárias de alimentação e higiene mais indicadas para o seu filho.

Neste artigo, procuraremos explorar esta questão, para que saiba quando deve levar o seu bebé à primeira consulta ao dentista e como deve cuidar da saúde dentária do seu pequeno rebento.

 

Criança na primeira consulta no dentista

1. A primeira consulta dentária

Vulgarmente, o momento ideal para a primeira consulta ao dentista é uma das grandes dúvidas dos pais.

Será que devem aguardar pela dentição definitiva da criança? Deverão levar no nascimento dos primeiros dentes?

Há necessidade de levar a criança tão precocemente? Existe alguma idade específica para levar a criança a estas consultas? São, de facto, dúvidas comuns.

O conselho dos especialistas é para que a criança seja levada a uma consulta no despontar dos primeiros dentes.

Por norma, os quatro dentinhos da frente são os primeiros a aparecer, sendo que costumam surgir, em primeiro lugar, os dois dentinhos da arcada inferior e só depois os dentes da superior.

Durante esta fase, é recomendado que os pais dêem inicio às consultas de ondotopediatria, sendo que, após a primeira, receberão a indicação de que devem retornar a cada meio ano (6 meses) para a realização de consultas de rotina nas quais se fará a aplicação de flúor, bem como o despiste, identificação e tratamento de eventuais cáries.

A idade de início destas consultas varia, uma vez que nem todas as crianças têm o mesmo ritmo de formação dentária.

O mais comum será que a primeira dentição surja entre os 6 e os 8 meses mas existem casos em que tal acontece apenas perto do ano de idade e outros nos quais, pelos 2 meses, os dentinhos já começam a surgir.

Depende do bebé e do seu ritmo. É preciso lembrar: cada criança é única e, por isso, não existe uma regra geral!

2. Antes do primeiro dentinho

Outra dúvida frequente dos pais é se podem ou não levar a criança a uma destas consultas antes do nascimento da primeira dentição.

Embora a recomendação referencie que a primeira ida deve ser pelo nascimento do primeiro dente, nada há que o impeça de procurar um dentista antes desta idade.

A verdade é que, quando as consultas são iniciadas antes de este despontar, os papás têm a oportunidade de receber conselhos valiosos.

Fatores como o hábito de chupar o dedo, o uso da chupeta e do biberão, bem como questões relacionadas com a higiene e a alimentação futuras da criança serão esclarecidos.

Nesta ocasião, poderá também ser prescrita alguma medicação (por norma pomadas anestésicas) que amenizam um pouco o desconforto gengival sentido pela criança durante o romper dos primeiros dentes, situação que tende a deixar o bebé desconfortável e irritado.

Por fim, é de salientar que, quanto mais depressa a criança começar a habituar-se ao ambiente do consultório dos dentistas, mais fácil será a sua adaptação aos mesmos.

Esta é a melhor forma de evitar o tradicional medo sentido no que se refere aos profissionais e aos procedimentos dentários.

3. Razões de preocupação

Pais cujos filhotes têm um principiar tardio na dentição costumam mostrar alguma preocupação sobre o assunto.

Não desespere! Algumas crianças demoram um pouco a ver romper o primeiro dentinho.

Deverá apenas preocupar-se caso o filho esteja já perto dos 2 anos de idade e não tenha, ainda, despontado qualquer dente. Isto porque os 3 aninhos são a idade ideal para que a dentição de leite esteja completa.

Pelos 3 anos, a criança deverá já ter 20 dentes: 10 na arcada superior e 10 na inferior.

De grande importância para garantir a saúde bucal do seu filho, estas consultas não devem ser descuradas. Lembre-se que, principalmente no que diz respeito a uma vida saudável, mais vale prevenir do que remediar!

A partir de que idade começou a levar o seu filho a uma consulta de odontopediatria? Não deixe de nos contar tudo sobre a sua experiência nesta matéria.

Clique em uma estrela para avaliar.

Average rating 0 / 5. Votos: 0

ARTIGOS REMOMENDADOS

Escrito por Bebé a Bordo

Saiba mais sobre maternidade, gravidez, bebé e desenvolvimento infantil, com os nossos artigos. Traga o bebé a bordo e veja o que preparamos para si!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

células estaminais funciona

O que são as células estaminais e que doenças podem tratar?

crianças e a Era Digital

As crianças e a Era Digital